Tag Archives: music

O lado escuro da lua

1 nov

Há alguns dias ouvi falar sobre o lançamento do novo CD do Capital e, por razões óbvias, já comecei a contar os dias para o lançamento. É claro que para atiçar mais ainda nossos coraçõezinhos ansiosos saiu o primeiro single ‘O Lado Escuro da Lua’. Finalmente consegui parar e ouvir a música e devo dizer que estou apaixonada, me lembrou algumas das canções mais calminhas do álbum anterior ‘Das Kapital’, ao mesmo tempo em que tem um toque diferente.

“Eu tinha sede, me deram gasolina
Não peço nada, me dão menos ainda
Acho que não entendi direito
A perfeição do imperfeito”

Lindo né? Agora é esperar o lançamento do CD, previsto para 20 de novembro.

XOXO

Editors

13 set


Hello girls, hoje é dia de banda no blog #todascomemora. E como boa amante de música, sou apaixonada por vozes (Justin Timberlake, Mike Posner, Jonathan Corrêa e todos os meus outros gatinhos que o digam). Agora, faz muito tempo que eu não ouço um tom tão forte, espesso e, até mesmo macabro, como o de Tom Smith, confesso pra vocês que vicia e prende a gente até apaixonar (é, apaixonei). Então, com todo o amor do mundo, apresento a vocês a banda Editors.

Editors é uma banda de indie rock de Birmingham, Inglaterra composta por, na ordem da foto, Chris Urbanowicz (guitarrista), Tom Smith (letrista/vocalista/guitarrista ❤ ), Ed Lay (baterista) e Russ Leech (baixista).

Os meninos se conheceram na Universidade de Staffordshire, mas nem sempre tiveram o nome Editors, antes eram conhecidos como The Pride,  e depois, quando modificarem a formação, começaram a chamar-se Snowfield, transformando-se em uma banda popular sem contrato. Mantiveram o nome até assinarem com a Kitchenware Records e passarem a ser Editors.


A banda possui três CDs: The Back Room (2005), An End Has a Start (2007) e In This Light And On This Evening (2009). O lançamento do quarto álbum está previsto ainda para esse ano (esperando ansiosamente). Para vocês terem uma noção do que estou falando,  vou deixar uns videos:









E então meninas, gostaram??

Mais uma foto por razões de: acho o vocalista um gatinho.

XOXO

Walk the Moon

6 ago

 

Hey girls, é com imenso prazer que finalmente venho compartilhar essa banda linda com vocês, já faz tempo que eu tenho os CDs e desde o primeiro dia que ouvi uma música deles, mesmo com um chiado horrível, me apaixonei. Senhoras e senhores, lhes apresento Walk the Moon.

 

Eu conheci WTM em uma das minhas trilhas perdidas pelo computador, sempre fui muito ligada com música e quando ouvi ‘Anna Sun’ pela primeira vez, me arrepiei de tão boa que era (e ainda é). Cada vez que a ouvia o refrão grudava na cabeça e dava aquela vontade de ter todas as outras músicas deles. E assim fiz, completei a discografia e me apaixonei incondicionalmente por esses fofoletes descoladinhos.

 

 

Walk the Moon é uma banda de indie rock, criada em Cincinnati, Ohio. Formada por Nicholas Petricca, Kevin Ray, Sean Waugaman e Eli Maiman, é a junção perfeita de melodias autênticas, uma voz linda e pinturas no rosto (amooo essa parte em especial). Super indico as seguintes faixas: Anna Sun (óbvio né gente?), Jenny, House Burning Down, Me and all my friends, Next In Line Candycane Jane e Stunning Honey (Please Stay)

 

Os meninos possuem três CDs: The Other Side B-Sides and Rarities, I want! I want! e Walk the Moon. Agora vou deixar vocês tirarem suas próprias conclusões. Aí ficam alguns vídeos das músicas deles:

Lindo e criativo, sem mais.

A versão original é mais lenta e mais legal.

E aí, curtiram? A banda não é muito famosa (ainda) por aqui, mas se vocês quiserem ver mais alguns vídeos aqui está o canal deles.

XOXO

Love is a four letter word

7 jun

Começamos por um pedido super emocionado de desculpas pelo sumiço/abandono do blog? Não né? Sério gente, mil perdões. Mas pra compensar, hoje vim falar de coisa boa: Jason Mraz!!! Esse post já devia ter ido ao ar há algum tempo (mais precisamente dois dias depois do lançamento do CD), mas sacoméné acabou faltando tempo e coragem de escrever. Como quem faz coisa errada geralmente traz um agradinho pra se redimir, o dia de trazer essa belezura era hoje.

Não é novidade nenhuma pra quem acompanha o blog, meu amor pelo Jason né? Desde o momento em que foi lançado o projeto do CD novo eu esperava ansiosamente pelo resultado, por um lado feliz, mas por outro apreensiva, já que o ‘Love’ teria que ir além de todas as expectativas levantadas pelo ‘We sing, we dance, we steal things’ (recheado de músicas boas e conhecidas pelo público).



Quando coloquei a primeira faixa pra tocar e o ritmo animado de ‘Freedom Song’ tomou conta da minha casa vazia, senti meu corpo dançando no ritmo e um sorriso surgir: é claro que Mr. Mraz não iria me decepcionar!! E assim foi, quando o CD acabou fiquei com cara de ‘como assim já acabou?’. Desde então, ele vem me acompanhando quase todos os dias.



As faixas, das mais animadas às mais tristes, são a combinação da melodia perfeita com letras de conteúdo e uma das vozes que mais me faz sentir ‘em casa’ no mundo (perdendo apenas pro meu babylove Timberlake).





Então, deu vontade de correr pro 4shared pra loja e conferir? SIIIIIIIM!! É o presente perfeito, que vai desde um dia ensolarado, até uma madrugada fria no Rio Grande do Sul #ehamigo.

XOXO

Jessie J – Laserlight ft. David Guetta

19 abr

Hey Guys!

É só impressão minha ou cada música da Jessie J é completamente viciante e dançante? Sério gente, o Domino até hoje eu fico dançando e cantando a música o dia todo quando ela toca na minha playlist. E o que é essa parceria com o David Guetta? PERFEITA!

É isso gente!

XOXO

Carly Rae Jepsen

18 abr

Hey guys! Então hoje trago para vocês mais um dos meus “achados de cantores (as)/ bandas”, Carly Rae Jepsen é uma cantora indie canadense, tem 26 anos (fiquei pasma! Olha a carinha de baby), ela já teve 4 indicações, e ganhou 1 (Prêmios de rádio canadenses – com a musica Tug of war) e dois álbuns. E tambem já participou do Canadense Idol, mas não ganhou.



Bom to escutando all the time a call me maybe.

 Os clipes são mega fofos, os looks também são lindos e os boys

Deixo os clipes:

É isso gente! XOXO

Tópaz e o tão esperado Onze Nós

18 abr

Eu conheci a Tópaz de um jeito meio inesperado, como vocês sabem, eu ouço muito rádio e assim acabo conhecendo músicas soltas de determinados artistas, sem nem saber muito bem de quem são. Com eles era assim, até que ia ter um show na minha cidade e, por ser arruaceira de natureza, fui com algumas amigas. Quando a banda entrou no palco, nós estávamos bem pertinho e nos apaixonamos (tanto pelas músicas e quanto pelos cantores). Os guris eram tão simpáticos e lindos e tudo mais, que não resistimos e esperamos esmagadinhas na multidão pra falar com eles. Fomos super bem recebidas com abraços, piadinhas, foto e até uma seguradinha de mão digna de filmes (Alexandre Nickel ❤ ashasuh).

Nossa foto que, por ironia do destino, saiu toda errada.

 

Chegando em casa, a primeira coisa que fiz foi comer baixar o CD ‘III’ para ouvir as músicas do show e prestando mais atenção nas letras descobri uma das minhas mais novas bandas preferidas… e quando vi os clipes então? Fiquei completamente in love (além de descobrir meu futuro marido ahusahs).

Da esquerda pra direita, Alexandre Nickel, Cris Möller,   Pedro Ramos, Pedro Ramos (Zooe) e Gustavo Zuchowski (Gigante)


Deixando todo esse meu papinho furado sentimentalismo de lado, hoje vim falar sobre o novo CD deles, que acabou de sair do forno, chamado ‘Onze Nós’. De acordo com o que eu via no twitter do pessoal era o disco da vida, a melhor aposta e depois de alguns meses de longa espera, temos em mãos um disco maduro, com melodias novas, vocais inovadores, mesmo assim, sem perder a essência da banda, com frases cultas que se tornam tão simples… falando em frase, além de tudo que o ‘Onze Nós’ tem de bom, faltou dizer a coisa mais importante: A FRASE MAIS LINDA DE TODO O UNIVERSO! Sente só, ‘Se for pra tudo dar errado, quero que seja com você.’. Sério, imagina alguém dizendo isso? É pra se apaixonar forever!

Linda, linda, linda…



 



 



O CD está disponível gratuitamente para download no site  e as músicas que eu mais indico: Se for pra tudo dar erradoEuSuicídio ao contrárioEnterroQuem não ajuda atrapalha.

É isso gente, espero que tenham gostado da banda e do CD. E Alexandre Nickel, me liga, pra quando der a gente se casar! Sério.

XOXO